Arquivo da tag: Iniciação científica

Iniciação Científica 2017

Prezados alunos,

 

Até o dia 30/10/2016 estaremos selecionando os interessados no Programa de Iniciação Científica 2017.

A iniciação científica está vinculada ao ensino, uma vez que, a partir da literatura científica busca construir e reconstruir o objeto do conhecimento.

  • §1º A iniciação científica deverá facilitar a aprendizagem do aluno por meio da submissão de enunciados consolidados aos procedimentos do método científico.
  • §2º A pesquisa na iniciação científica tem sua finalidade atingida quando as disciplinas fundamentais de um curso, como as propedêuticas básicas, submetem suas leis, teorias e enunciados a casos reais, facilitando a produção do conhecimento pelo aluno por meio do confronto da teoria com a resolução de problemas práticos.
  • §3º A iniciação científica facilita a aprendizagem do estudante pela resolução de problemas concretos e pela experimentação de teorias.
  • §4º O UniBrasil poderá usar o PROINC para o desenvolvimento de projetos específicos ou para incentivar políticas de interesse institucional, sem prejuízo à sua finalidade.

Os estudantes de iniciação científica poderão participar do PROINC recebendo algum tipo de incentivo financeiro (bolsista) ou não (voluntário).

O bolsista deverá ser sempre um aluno regularmente matriculado no UniBrasil e o orientador deverá ser sempre um professor pesquisador da instituição.

O voluntário deverá ser sempre um aluno regularmente matriculado no UniBrasil e o orientador deverá ser sempre um professor da instituição.

Não será permitida a transferência da bolsa em caso de desistência ou cancelamento por parte do aluno ou professor orientador.

Tem interesse em participar? Então envie um e-mail para civil@unibrasil.com.br com seu nome, Registro Acadêmico e qual linha de pesquisa deseja seguir.

linhas

Apresentação de Trabalhos

A apresentação de Trabalhos estará dividida em duas etapas:

1 – Casa Experimental

2 – Iniciação Científica

 

Casa experimental

A Casa Experimental é um Grupo de Estudos da Engenharia Civil que te como proposta estudar a viabilidade de construir uma casa sustentável no Campus do UniBrasil.

Para tanto, o Grupo se reúne todas as quartas-feiras no Bloco 9, na sala do GPEC (Grupos de Estudos em Engenharia Civil), as 15h00, e fará uma apresentação sobre estas discussões no dia 20/10/2016 em dois horário:

Manhã – 8h00 – Auditório Bloco 4

Noite – 19h00 – Sala 47 – Bloco 3

Iniciação Científica

O curso possui um projeto de Iniciação Científica, realizado pela aluna Gabriela de Nardi, com o título de:

A implantação do desenvolvimento sustentável nas empresas de Engenharia

 

ORGANIZAÇÃO DA APRESENTAÇÃO

8h00/19h00 – Recepção dos alunos

8h10/19h10 – Início da Apresentação – Coordenadora do curso Adriana Tozzi

8h20/19h20 – Apresentação Equipe Fundações

8h35/19h35 – Apresentação Equipe Cobertura

8h50/19h50 – Apresentação Cisterna

9h05/20h05 – Apresentação paredes sustentáveis

9h20/20h20 – Apresentação A implantação do desenvolvimento sustentável nas empresas de Engenharia

 

EVINCI

(texto publicado originalmente no site do evento)

O Evento de Iniciação Científica do Centro Universitário Autônomo do Brasil, EVINCI – UniBrasil, será realizado entre os dias 19 a 23 de outubro de 2015 concomitantemente ao XII Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT – 2015) que é coordenada pela Secretaria Nacional de Ciência e Tecnologia para Inclusão Social do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

A ideia é unir o Centro Universitário Autônomo do Brasil às 560 instituições de ensino e pesquisa envolvidas na semana da ciência. Na edição do ano de 2015 o trabalho terá como objetivo integrar todas as escolas e faculdades do Centro Universitário ao Evento de Iniciação Científica que buscará instaurar uma semana de mostra de pesquisa científica, tecnológica e artística com diversas atividades práticas e teóricas abertas para toda comunidade.

Para o EVINCI serão realizadas as seguintes modalidades de atividades: conferência, mesa-redonda, palestra, audiência, curso, mini-curso, oficina, workshop, simulado, lançamento de livro, comunicação científica e apresentação de painéis.

Os textos produzidos para a discussão serão publicados em dois documentos: o primeiro será oCaderno de Resumos apresentados no Evento de Iniciação Científica do Centro Universitário Autônomo do Brasil.

Após o evento o segundo será publicado na versão eletrônica dos Anais do Evento de Iniciação Científica do Centro Universitário Autônomo do Brasil com ISSN. Os trabalhos poderão ser inscritos nas seguintes modalidades:

1) Resumo simples;
2) Resumo Expandido;
3) Artigo científico.

Poderão ser apresentados em: Palestras, Comunicações Científicas e Exposição de Painel (Banner). Ademais, serão realizadas reuniões de pesquisa e workshops de discussão sobre as mais recentes propostas de investigação dos grupos de estudo e projetos de pesquisa institucionalizados.

Também será objetivo do evento a promoção de trabalhos científicos que envolvam pesquisa científica com foco nos temas desenvolvidos nas linhas de pesquisa centrais dos respectivos programas de pós-graduação stricto sensu do UniBrasil e das demais instituições, grupos e redes convidadas.

Finalmente, procurar-se-á contemplar como resultado da atividade a maior integração entre os programas de pós-graduação e graduação com seus respectivos grupos de pesquisa, incrementando o diálogo acadêmico e o intercâmbio de experiências educacionais que possam, efetivamente, influenciar a práxis acadêmica para o desenvolvimento da educação superior e da pesquisa científico.

Em caso de dúvidas, enviar e-mail para: civil@unibrasil.com.br

banner

Anexo I – Edital GPEC 001/2014

ANEXO 1

EDITAL GPEC 001/2014

GPEC – Grupo de Pesquisa da Engenharia Civil

 

Os temas propostos para o PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA INSTITUCIONALDE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PROIINC 2015) são:

Tema 1:  Análise do conforto ambiental do campus das Faculdades Integradas do Brasil

Será analisado o campus das Faculdades Integradas do Brasil do ponto de vista do conforto térmico, luminoso e acústico da edificação em seus ambientes interiores e exteriores. Ambientes confortáveis geram ambientes saudáveis para os alunos e aumentam a produtividades de professores e alunos.

Objetivo:

Avaliar, por meio de medições e simulações computacionais, o quanto o ambiente universitário das Faculdades Integradas do Brasil é considerado confortável do ponto de vista térmico, luminoso e acústico. Este estudo também visa propor melhorias com objetivo de obter ou melhorar o conforto interno das edificações estudadas.

Tema 2:  Modelagem de piso tátil

Desenvolvido para projetos de acessibilidade, de acordo com a norma ABNT NBR 9050, o piso tátil possui superfície de relevo, contrastante com o piso adjacente tanto tátil como visualmente, que orientam pessoas com deficiência visual. São formados por placas e aplicados em diversos locais públicos. Com a necessidade de tornar o piso tátil mais acessível às empresas, acredita-se que criar um molde de fácil manuseio e de acordo com a norma vigentes poderia ajudar as empresas a implantarem as placas de maneira mais fácil e econômica.

Objetivo:

Modelar em software dois modelos de placas do piso tátil: Direcional, com linhas longitudinais em relevo para demarcar a direção; e Alerta, formada por superfícies tipo moeda para indicação de mudança de direção a ser seguida. Utilizar três materiais diferentes.

Tema 3: Reciclagem de resíduos na Construção Civil

Com a intensa industrialização, crescimento populacional e aumento de pessoas em centros urbanos, os resíduos se transformaram em um grave problema de gerenciamento oneroso e complexo considerando-se volume e massa acumulados, principalmente após 1980. Os problemas se caracterizavam por escassez de área de deposição de resíduos causadas pela ocupação e valorização de área urbanas, altos custos sociais no gerenciamento de resíduos, problemas de saneamento público e contaminação ambiental.

São benefícios da reciclagem na construção civil: redução no consumo de recursos naturais não renováveis; redução de áreas necessárias para aterro; necessidade da própria reciclagem dos resíduos de construção e demolição, que representam mais de 50% da massa dos resíduos sólidos urbanos; redução do consumo de energia durante o processo de produção, dentre outros.

Objetivo:

Estudar as metodologias existentes de reciclagem de resíduos na construção civil e apresentar as vantagens e desvantagens para as empresas do setor.

Edital GPEC 001/2014

EDITAL GPEC 001/2014

GPEC – Grupo de Pesquisa da Engenharia Civil

 

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA INSTITUCIONALDE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PROIINC 2015)

 

A COPPEX – Coordenação de Publicação, Pesquisa e Extensão das Faculdades Integradas do Brasil publicou no dia 30 de outubro de 2014 o Edital 02/2014 que torna público o processo de seleção para o Programa Institucional de Iniciação Científica para o ano de 2015 (PROIINC-2015), que acontecerá até 05 de dezembro de 2014.

A Comissão do GPEC, formada pelas professoras Adriana Regina Tozzi Pontoni e Eimi Veridiane Suzuki, define que:

1. Do período de inscrições

 1.1.         As inscrições para participar de um dos projetos de Iniciação Científica do GPEC, propostos no Anexo I deste documento, deverão ser realizadas mediante preenchimento do formulário GPEC001.

1.2.         Os formulários devem ser entregues de 10 a 30 de novembro de 2014 na sala dos professores da Escola de Engenharia, Bloco 8;

1.3.         Anexar ao formulário o Histórico Escolar atualizado (que pode ser impresso do Portal do Aluno);

1.4.         Não serão aceitos formulários entregues fora do período de inscrição;

1.5.         Encerradas as inscrições, a Comissão do GPEC deverá homologa-las de acordo com os critérios estabelecidos neste edital de divulgação. Em seguida, outro edital com as inscrições homologadas e não homologadas deverá ser fixado em local público previamente e divulgado neste blog. Este edital conterá data, hora e local de realização da seleção;

2. Dos requisitos:

2.1.         Estar regularmente matriculado no Curso e frequentando as aulas, sem extrapolar o percentual de faltas permitido pela legislação.

2.2.         Ter sido aprovado integralmente no primeiro período e não estar cursando os dois últimos períodos do curso de graduação.

2.3.         Apresentar bom desempenho acadêmico, não tendo sido reprovado em nenhuma disciplina.

2.4.         Não ter vínculo empregatício.

2.5.         Não ser bolsista de qualquer outro programa que o beneficie com 100% (cem por cento) de gratuidade.

2.6.         Não participar de nenhum programa que financie 100% (cem por cento) da sua mensalidade.

3. Dos critérios de desempate:

 3.1.         Os critérios de desempate serão definidos pela Comissão do GPEC, tendo por referência o Projeto Pedagógico Institucional (PPI), que orienta privilegiar sempre o mérito acadêmico.

 4. Das bolsas:

 4.1.         Os alunos selecionados para a iniciação científica serão classificados como bolsistas devendo, a partir do mês de fevereiro de 2015 integrarem-se às atividades de pesquisa desenvolvidas por docentes das Faculdades Integradas do Brasil, nas áreas para as quais foram escolhidos;

4.2.         Serão três bolsas de iniciação cientifica no valor de R$100,00 para os temas definidos no Anexo I. Outros temas serão ofertados para alunos voluntários;

4.3.         As bolsas de iniciação científica terão duração de março a dezembro de 2015, sendo vedada a renovação;

4.4.         As bolsas serão concedidas na forma de desconto na mensalidade;

5. Disposições Finais

5.1.         Todos os alunos selecionados deverão cumprir carga horária mínima de 10 (dez) horas semanais em atividades de iniciação científica;

5.2.         Os alunos de iniciação científica podem ser desligados do GPEC – Grupo de Pesquisa da Engenharia Civil, significando perda da bolsa para os primeiros, nos seguintes casos:

I. Infração disciplinar;

II. Caso manifeste inaptidão para o desempenho das atividades de pesquisa;

III. Extinção do Grupo de Pesquisa;

IV. Desistência por parte do aluno, desde que por escrito;

V. Abandono das atividades.

5.3.         Para preencher a vaga aberta pelo desligamento, a Comissão do GPEC poderá abrir uma segunda chamada para os alunos que foram aprovados no processo seletivo, obedecendo a ordem de classificação;

5.4.         Somente em casos excepcionais deverá ser realizado um novo processo seletivo;

5.5.         Deverá ser entregue relatório final à Comissão do GPEC em novembro de 2015, conforme calendário a ser publicado no início de 2015;

5.6.         Caso sejam necessários, outros relatórios parciais serão solicitados em datas a serem definidas também em calendário.

Curitiba, 06 de novembro de 2014.